CNAI - Rede GIP

You are here:
  • Decrease font size
  • Default font size
  • Increase font size

Os Gabinetes de Inserção Profissional - GIP - surgiram nos termos do disposto na Portaria n.º127/2009, de 30 de Janeiro 2009 e são estruturas de apoio ao emprego que, em estreita relação com os Centros de Emprego, prestam apoio a jovens e adultos desempregados na definição ou desenvolvimento do seu percurso de inserção ou reinserção no mercado de trabalho. A Rede GIP Imigrante (RGI) é constituída por 25 Gabinetes de Inserção Profissional distribuídos pelo território nacional, sendo dinamizada por entidades públicas ou privadas sem fins lucrativos. Esta Rede surge no âmbito de parceria entre o Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural, I.P. (ACIDI, I.P.) e pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional, I.P. (IEFP, I.P.)

Para mais informações:

Download do Folheto Rede GIP Imigrante

Menu Principal

Entrada
Links Úteis

Autenticação






Esqueceu a senha?
Congresso Português do Voluntariado PDF Imprimir e-mail
12-Nov-2010

Congresso Português do Voluntariado

Terça, 26 Outubro 2010 10:48

Voluntariado, Força de Mudança

(Com o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Presidente da República)

A acção voluntária, desenvolvida a título individual ou, preferencialmente, enquadrada por uma associação promotora de Voluntariado, a favor de uma causa ou de um projecto, sem fins lucrativos, é um dos motores do desenvolvimento do tecido social português.

Cobrindo uma diversidade enorme de áreas de intervenção e trabalhando, não poucas vezes, em condições adversas, em termos de reconhecimento social e apoio financeiro e material, o voluntariado organizado em Portugal tem um parceiro privilegiado no terreno: A Confederação Portuguesa do Voluntariado (CPV), criada em 2006 e composta, actualmente, por 16 organizações promotoras de Voluntariado de âmbito nacional.

A CVP promove o I Congresso Português do Voluntariado, subordinado ao tema «Voluntariado, Força de Mudança» procurando envolver as entidades (privadas e públicas) e os cidadãos a título indivíduos que se identifiquem com a causa gratuita do “serviço ao próximo”.

Para participar, aceda aqui .

Comentrios
AdicionarPesquisar
Somente usurios registrados podem escrever comentrios!
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >